A sobrecarga física e mental que os profissionais da saúde sofrem constantemente aumentou com a pandemia do coronavírus. Com isso, a rotina exaustiva, falta de tempo, preocupação, ansiedade e até depressão em alguns casos, prejudica a qualidade de vida dos médicos. 


Para reverter esse quadro, é importante que esses profissionais cuidem também de si mesmos, assim como cuidam de seus pacientes. Veja no artigo mais informações sobre como fazer isso!

Como melhorar a qualidade de vida


Uma pesquisa realizada em abril pela Associação Paulista de Medicina aponta que a percepção de 86,6% dos médicos entrevistados é de que seus colegas estão apreensivos, deprimidos, pessimistas, insatisfeitos e revoltados. Este dado pode ser mais um reflexo da situação atual devido a pandemia, porém muitos se sentem assim frequentemente. 


Devido a rotina dos médicos, alguns acabam não conseguindo dedicar um tempo para fazer atividades físicas, cuidar da alimentação, momentos de lazer, descanso e aproveitar com família e amigos.  Isso tudo afeta a qualidade de vida do indivíduo e prejudica a saúde física e mental do profissional.


Veja a seguir algumas práticas que podem melhorar o seu bem-estar.


Mudança de hábitos


Para conciliar o trabalho e a qualidade de vida é preciso mudar hábitos do dia a dia, como evitar pular refeições por ter pouco tempo entre os intervalos de trabalho. Manter uma alimentação saudável e equilibrada é essencial para qualquer pessoa.


Mesmo que deseje salvar e cuidar de todos, o médico deve saber os limites de seu corpo e mente, pois o excesso de trabalho traz consequências negativas. Portanto, tenha uma rotina organizada, com horários definidos para que você tenha o tempo certo para atender os pacientes, se alimentar, descansar, passar tempo com a família, etc. 


Defina as suas prioridades


Esse é um passo muito importante para melhorar a rotina no trabalho. Sendo assim, defina tudo o que for mais relevante na sua vida, classificando em hierarquia, para organizar o que é prioridade para você. Podem ser tanto objetivos profissionais, pessoais, quanto os relacionados à família. 


Melhore a gestão da clínica


A organização é essencial para melhorar a qualidade de vida do médico e a tecnologia é uma grande aliada nisso. Afinal, hoje em dia, ela possibilita a existência de ferramentas que otimizam a gestão das clínicas e consequentemente, melhoram a rotina do profissional.


Por exemplo: as clínicas possuem uma alta demanda de atendimento médico, lidam com a administração e relacionamento com o paciente. As equipes têm muitas tarefas diariamente, precisam fazer os agendamentos, confirmar consultas, controlar o estoque, financeiro, etc. 


Portanto, os softwares médicos permitem a gestão de vários setores da instituição, centraliza todas as informações de: 



Com o auxílio dessas ferramentas, é possível otimizar os processos da clínica e economizar tempo para você poder investir na sua qualidade de vida. 


Leia o blog da MDMED para saber mais informações sobre gerenciamento de clínicas!