8 dicas para aumentar o faturamento da sua clínica médica

8 dicas para aumentar o faturamento da sua clínica médica

Aumentar o faturamento de sua clínica pode ser uma grande preocupação para todo gestor na área, o que é compreensível.

Manter um estabelecimento desse porte naturalmente traz custos, especialmente quando se investe nas melhores tecnologias e soluções. Portanto, planejar esse crescimento é importante para a estrutura e a capacidade de ofertar mais procedimentos futuramente.

Contudo, o resultado de dedicação e um trabalho bem feito tende a se refletir na preferência dos pacientes, à medida que se conquista confiança.

Sem contar que a disponibilização de serviços cada vez mais completos, além de ajudar com a comodidade do atendimento, contribui para se destacar no mercado.

Afinal, a tarefa de aumentar o faturamento deve estar atrelada a constantes investimentos em estruturação. Veja a seguir 8 dicas para fazer isso.

8 dicas para aumentar o faturamento da sua clínica

1.Elabore um plano financeiro

O início de toda boa gestão, seja de qualquer área, passa pelo planejamento do que é gasto e dos ganhos. Assim, evita-se que os recursos se esgotem, que haja gargalos, mau gerenciamento, perdas e prejuízos desnecessários.

Também é com essa medida que se pode organizar o orçamento e equilibrar as finanças para descobrir como investir. Isso facilitará seu controle e a gestão estratégica de sua clínica.

Outra boa dica é sempre separar o que é conta de pessoa jurídica do que é pessoa física. Desse modo, você não corre o risco de acabar gastando dinheiro que é da clínica, ou colocar recursos próprios no negócio sem perceber que isso está causando prejuízos.

Tudo isso vai ajuda-lo a encontrar o ponto de equilíbrio necessário para precificar procedimentos e ao mesmo tempo cobrir todas as despesas necessárias para prestar um serviço de qualidade.

Para tanto, é preciso entender que a gestão de custos em saúde é algo que precisa olhar todos os pontos da clínica. Não só o gasto com os recursos, mas a própria atenção no dia a dia, evitando cancelamentos por eventuais falhas do estabelecimento ou indisponibilidade de materiais por desatenção.

2.Organize o fluxo de caixa

Ainda falando desse assunto tão importante que é planejar-se e organizar-se financeiramente, preste atenção ao seu fluxo de caixa.

Uma possibilidade para isso é ter um sistema que conte com um módulo para finanças. Ele pode ter outras vantagens mais completas, como ser integrado ao TISS.

Sendo esse sistema em nuvem, ganha-se acessibilidade e disponibilidade maior de informações, com segurança.

Desse modo, você amplia seu conhecimento a respeito de todo o financeiro e fluxo de caixa e organiza o que é necessário para que sua empresa funcione bem.

3.Fidelize os pacientes

Outro ponto importante é priorizar a satisfação dos seus pacientes e fidelizá-los, por meio de um atendimento personalizado. Transforme sua clínica em um ambiente acolhedor.

Além de isso ajudar a aumentar o faturamento, influencia a reputação de sua clínica.

Algo que pode ajudar bastante na comodidade dos seus pacientes é a facilidade para agendar consultas e procedimentos. Isso alivia uma rotina agitada e contribui para que a experiência do paciente com a clínica seja agradável. Para isso, um software de agendamento pode ser extremamente necessário.

Com ele, você simplifica a rotina de agendamentos, reorganiza a agenda e propõe datas com muito mais facilidade, além de não cometer enganos em caso de cancelamentos.

4.Otimize os processos internos

Embora aumentar o faturamento faça o gestor pensar em projetar seus esforços externamente, otimizar os processos internos também é essencial. Treine suas equipes, estabeleça rotinas de trabalho produtivas, entregue ferramentas que ajudem seus profissionais a trabalharem de forma mais assertiva, ágil e descomplicada.

Isso melhorara tanto o atendimento quanto o fluxo de informações, para que tudo seja bem organizado entra as áreas.

5.Melhore a produtividade dos espaços

Se de início você não tiver intenção ou não tiver condições de ampliar o espaço físico de sua clínica, será ainda mais importante otimizar a produtividade. Reacomodar móveis, equipamentos sem comprometer a metragem necessária para realizar cada procedimento com conforto e segurança, é algo a considerar.

Isso pode te ajudar a aumentar o faturamento sem elevar tanto os gastos desnecessariamente.

6.Invista conscientemente em marketing 

Em seguida, para aumentar o faturamento da sua clínica, você precisará investir na divulgação dos serviços e captação de clientes. Por isso, planeje ações que tenham potencial de atrair seu público de forma adequadamente segmentada.

Pode ser algum investimento em marketing digital e também marketing tradicional, dependendo das condições, objetivos e abrangência do seu serviço. De qualquer forma, procure sempre ter um site bem montado, redes sociais e canais de comunicação amplos como o WhatsApp.

Criar campanhas de fidelização ou descontos também pode ser uma opção a considerar. Assim, é possível aumentar o faturamento tanto atraindo novos clientes quanto retendo os pacientes que já se tratam com você e podem precisar de mais soluções.

7.Acompanhe métricas e KPIs

Depois de tudo isso, é importante mencionar que acompanhar métricas e indicadores de desempenho também é fundamental para saber onde agir.

Para aumentar o faturamento, você precisa descobrir o retorno que todas as suas ações trazem. Esses KPIs podem ser relativos à gestão, como o ROI (retorno sobre investimento), sobre o marketing ou até mesmo sobre os clientes em si.

Pense também em criar formas de avaliar a opinião e satisfação de seus pacientes, como aplicando questionários após os atendimentos. Porém, se você quiser usar a tecnologia, envie formulários pedindo respostas por WhatsApp. 

Isso te ajudará a ter parâmetros para otimizar pontos que eventualmente tenham deixado a desejar. 

8.Conte com auxílio de tecnologia

Reforçando o que já foi dito sobre recursos tecnológicos, é interessante notar que eles podem fazer a diferença na gestão da clínica. Contar com o auxílio de soluções para sua gestão é algo que vai lhe destacar perante a concorrência.

Isso porque manualmente é difícil cuidar de todos os desafios, pois além de tomar mais tempo, essa situação possibilita a ocorrência de erros não intencionais.

Números e dados anotados e registrados errados, por exemplo, podem comprometer todas as operações futuras e os cálculos. Assim, dificultando a gestão adequada.

Quando se automatiza funções, além de mais rápidas, se tornam mais confiáveis. Além disso, informatizar os processos traz maior segurança, uma vez que controles feitos manualmente podem falhar em outros sentidos.

Cadernos de anotações, agendas em papel e até mesmo planilhas eletrônicas sem backups estão sujeitas a danos ou perdas.

Com um sistema que centralize as informações e garanta a segurança e a privacidade delas, esses problemas são evitados. Fica mais fácil tanto para aumentar o faturamento quanto para ser mais eficaz.

Gostou desse conteúdo? Que tal conhecer o MDMED, um software que te ajuda a tornar a gestão de sua clínica muito mais prática, ágil e satisfatória, para que você possa atender cada vez melhor?

Aproveite e acompanhe também nossas redes para estar sempre por dentro da evolução da tecnologia e da medicina, com dicas para seu estabelecimento.

Comentários

Seja o primeiro a comentar.

Deixe um comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *