4 dicas para médicos empreendedores

Confira 4 dicas para médicos empreendedores!

Os médicos empreendedores são aqueles que decidem abrir a própria empresa — uma clínica ou consultório, por exemplo. Normalmente, trabalhar na área da saúde, seja em um hospital ou para um negócio próprio, traz vários desafios e responsabilidades. 

Por isso, um profissional desta área que ainda gerencia sua própria instituição precisa de ferramentas para tornar o trabalho mais eficiente, organizado e prático. Veja as dicas a seguir que ajudam a facilitar a rotina do médico empreendedor.

Clínicas e consultórios de médicos empreendedores

​​​​Uma clínica ou consultório médico também são empresas e precisam de um bom gerenciamento e a visão de um médico empreendedor, mesmo lidando com algo tão nobre como a saúde das pessoas.

É por meio do empreendedorismo que o profissional consegue pensar em estratégias para consolidar a sua credibilidade e se destacar perante a concorrência.

Confira como alcançar esses objetivos!

Canais de comunicação

Imagine que uma dupla de médicos empreendedores especializados em oftalmologia decidam montar uma clínica. Além da qualidade no atendimento, eles precisam pensar nos canais de comunicação que vão usar para divulgar a instituição e também para manter contato com as pessoas, captar e fidelizar seus pacientes.

Podem utilizar tanto os canais digitais — redes sociais, sites, blogs, plataformas de transmissão ao vivo, etc. 

Tecnologia na saúde

Hoje em dia, utilizar recursos tecnológicos nas clínicas e consultórios tornou-se algo indispensável, independentemente de qual seja o tamanho da empresa. Os médicos empreendedores consolidados e os que ainda estão começando têm muito a ganhar com o uso de softwares especializados, pois eles simplificam os processos.

Por exemplo, com a gestão online de tarefas mais burocráticas e administrativas, é muito mais ágil realizar o atendimento. Com um software é possível:

  • mapear os processos de forma efetiva;
  • organizar e ter acesso a prontuários eletrônicos;
  • integrar informações de convênios dos pacientes;
  • controlar a situação financeira do consultório;
  • agendar pacientes de forma rápida e automatizada;
  • aumentar a segurança de dados, tanto para não perder os registros dos pacientes quando para ficar em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados;
  • entre outras.

Telemedicina

Com as novas tecnologias, a telemedicina tornou-se uma alternativa muito utilizada por médicos empreendedores, pois ela permite realizar tarefas de modo digital como a emissão de laudos médicos, atendimentos por videochamada, receitas médicas, etc. 

Diagnóstico especializado

Além de atender pacientes em planos de saúde, a clínica pode realizar parcerias com outros hospitais e consultórios para disponibilizar para esses pacientes a realização de exames laboratoriais ou de imagem. As clínicas de diagnóstico especializado tem o potencial de serem muito rentáveis. 

Se você está pensando em criar uma clínica ou já tem a sua, mas encontra muitas dificuldades para conciliar o trabalho diário, agende uma demonstração grátis do software da MDMED! O sistema dedicado a facilitar o gerenciamento de clínicas será ideal para o seu consultório!

Comentários
  1. Celso Miragaia disse:

    Muito bom quando se encontra algo bom mesmo que sem
    querer conteudos como deste blog e o artigo aqui, gostei
    muito do que lí aqui… Obrigado por compartilhar

Deixe um comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *